Thiago mU

Thiago mU

Thiago é jornalista, locutor e produtor à frente de empresas como o Studio Mu e dos Canais AudioProdutor e GospelBeats

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Witzel critica fala de Bolsonaro sobre interagir com a Polícia Federal

Presidente da República disse em coletiva após saída de Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública) que troca na PF não seria interferência política

Após o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na tarde desta sexta-feira (24), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), ainda questionou o motivo de o mandatário “querer um diretor da Polícia Federal com quem possa integarir”.

“Após assistir ao pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro, permanece a dúvida dos brasileiros: por que o presidente quer um diretor da Polícia Federal com quem possa interagir?

Mais cedo, durante coletiva de imprensa para anunciar a própria demissão, o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro disse que o grande problema é que “haveria uma violação à promessa que me foi feita, de ter carta branca, não haveria causa e estaria havendo interferência política na Polícia Federal”.

A saída de Moro ocorre após Bolsonaro exonerar o chefe da Polícia Federal, Maurício Valeixo, braço-direito e homem de confiança do ex-juiz da Lava Jato.

Bolsonaro argumentou que a mudança no comando da PF não teria interferência política, disse que nunca pediu para Moro “o andamento de qualquer processo” e que a “inteligência com ele perdeu espaço na Justiça”. ​”Nunca pedi para ele que a PF me blindasse onde quer que fosse”, defendeu.

Open chat
1
Olá!
Posso te ajudar?